segunda-feira, 18 de março de 2019

Demitido! João Brigatti não é mais o Técnico do Paysandu



A torcida do Paysandu foi pega de surpresa na noite do último domingo, na semana do clássico diante do maior rival, Remo. O Papão anunciou a saída do técnico João Brigatti. Junto com ele também sai o auxiliar Alfredo Montesso.

A decisão foi divulgada através do site oficial do clube, que não explicou o motivo. O site do globo esporte falou com João Brigatti ainda na noite de ontem. De acordo com ele, a demissão partiu do presidente bicolor, Ricardo Gluck Paul, que alegou não perceber evolução do time no início da temporada, optando por uma mudança no comando.

A reportagem também entrou em contato com Ricardo Gluck Paul, que confirmou ter optado pela saída do treinador pelo desempenho abaixo do esperado.
João Brigatti assumiu o Paysandu em setembro do ano passado. O técnico chegou com a missão de evitar o rebaixamento na Série B. Porém, não conseguiu o objetivo, conquistando quatro vitórias, cinco empates e quatro derrotas.

Brigatti foi mantido no cargo para 2019. Com exceção das vitórias contra São Francisco e diante do Remo, o Papão não havia empolgado no Campeonato Paraense, mas está invicto até aqui: cinco vitórias e três empates. A favor do treinador estava o pouco tempo de preparação para a competição - o Paysandu foi o último clube a iniciar os treinos para o Parazão -, e a reformulação do elenco para esta temporada. O Lobo está praticamente classificado às semifinais do Estadual, com 18 pontos, na liderança do Grupo A2.

Antes de ser demitido, João Brigatti comandou o Paysandu no empate em 1 a 1 com o Castanhal. Agora o time, por enquanto sem um nome definido para ocupar o cargo, irá se preparar para o Re-Pa do próximo domingo, a partir das 16h, no Mangueirão.